Por pbagora.com.br

O ministro Geddel Vieira Lima (Integração Nacional) afirmou na noite desta terça-feira que deve sair nesta quarta (20) a medida provisória que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva encaminhará ao Congresso Nacional para liberação de recursos aos Estados mais afetados pelas chuvas nas regiões Norte e Nordeste.

Ele adiantou que volume estimado de dinheiro a ser repassado aos Estados e municípios pode chegar a R$ 700 milhões. “Suponho que seja alguma coisa entre R$ 600 milhões e R$ 700 milhões”, disse.

 

Segundo Geddel, os critérios para repasse dos recursos são “absolutamente técnicos”, levando em consideração o número de desabrigados e desalojados e o plano de trabalho proposto pela Defesa Civil.

“Já estamos trabalhando em cima dos números para, com a rapidez necessária, começar a liberar recursos para que os Estados e municípios possam iniciar o trabalho de reconstrução das áreas atingidas”, disse o ministro.

Mortes

Segundo balanço divulgado hoje pela Sedec (Secretaria Nacional de Defesa Civil), do Ministério da Integração Nacional, já chega a 45 o número de mortes provocadas pelas chuvas em oito Estados brasileiros.

Além disso, as enchentes já obrigaram mais de 377 mil pessoas a deixar suas casas. Do total, 254.340 pessoas foram desalojadas –deixaram suas casas e estão hospedadas com amigos ou familiares-, e 123.510 estão desabrigados, ou seja, dependem de abrigos públicos.

O número de municípios que registraram danos em decorrência dos temporais também subiu de 393 para 407 municípios, localizados em 13 Estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Acre, Amazonas, Pará e Santa Catarina
 

 

Folha

Deixe seu Comentário