Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deixou o Palácio do Planalto na manhã deste sábado (30) e voou de helicóptero até Abadiânia, cidade goiana no entorno do Distrito Federal.

Bolsonaro visitou uma lanchonete na BR-060 e gerou aglomeração, contrariando orientação da OMS (Organização Mundial da Saúde) para evitar a propagação do novo coronavírus.

O chefe do Executivo, que comprou um salgado, ainda descumpriu outra recomendação da entidade internacional e circulou com a máscara de proteção pendurada no ombro, sem cobrir o rosto.

Líder do governo na Câmara, o deputado Major Victor Hugo (PSL-GO) postou no Twitter uma foto dentro do helicóptero ao lado do presidente e do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Também participaram da visita de Bolsonaro, não divulgada na agenda presidencial, o ministro da Casa Civil, Braga Netto, e o prefeito de Abadiânia, José Diniz (PP).
Depois de deixar a lanchonete, Bolsonaro e sua comitiva foram até o Comando de Operações Especiais do Exército Brasileiro, com sede em Goiânia, e transmitiu o passeio ao vivo em sua rede social.
Yahoo

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Justiça nega recurso e Ronaldinho Gaúcho segue em prisão domiciliar

Ronaldinho Gaúcho sofreu uma nova derrota judicial nesta sexta-feira com a rejeição de um recurso que a defesa apresentou para que o ex-jogador e o irmão, Roberto Assis, fossem liberados…

Vital do Rêgo determina que Bolsonaro pare de anunciar em sites que promovem ilegalidade

O ministro Vital do Rêgo, do Tribunal de Contas da União (TCU), determinou nessa sexta-feira (10), de forma cautelar, que o governo federal pare de anunciar em sites que promovam atividades…