A Paraíba o tempo todo  |

Banco Central prevê desemprego nos próximos meses

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O desemprego deve aumentar neste trimestre e nos próximos meses, por causa dos efeitos da crise financeira internacional no Brasil e de características típicas (sazonalidades) desta época do ano. A avaliação consta do Relatório Trimestral de Inflação, divulgada hoje (30) pelo Banco Central (BC).

O relatório lembra que em janeiro a taxa de desemprego situou-se em 8,2%, “0,2 ponto percentual acima da registrada no mesmo mês do ano passado, o primeiro aumento nessa base de comparação após 23 quedas consecutivas”.

“Até o momento, entretanto, a concessão de férias coletivas, a diminuição da jornada de trabalho e outras medidas emergenciais” têm atenuado a elevação das taxas de desemprego. “Porém, mesmo que haja alguma recuperação na margem da produção industrial e a despeito dos números mais animadores de vendas no varejo, a redução do nível de atividade pode se refletir em aumentos da taxa de desemprego ao longo dos próximos meses”.

Agência Brasil
 

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe