A Paraíba o tempo todo  |

Anac flexibiliza regras para transporte de vacinas pelas companhias aéreas

Brasilia, Brazil – November 20, 2015: TAM Airlines Airbus 320 parked at airport in Brasilia, capital of Brazil. TAM is the Brazilian brand of Latam Airlines and the largest Brazilian airline.
CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

As empresas aéreas vão poder transportar doses de vacinas refrigeradas com gelo seco na cabine de passageiros de aviões. A autorização foi concedida pela Agência Nacional de Aviação Civil, a Anac, nesta quarta-feira (13). No entanto, o transporte só vai ocorrer se não houver passageiros no voo.

O regulamento brasileiro de aviação civil considera o gelo seco uma substância perigosa e, por isso, apresenta restrições para o transporte do material na cabine de passageiros. Com a nova norma, apenas tripulantes e outras pessoas que sejam importantes na detecção e combate a incêndios poderão estar a bordo do avião.

Segundo a Anac, a medida antecipa a esperada demanda para o transporte aéreo nacional e internacional de grandes volumes de vacinas, que farão parte do Plano Nacional de Operacionalização da Vacina contra a Covid-19.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      3
      Compartilhe