João Pessoa, 24 de Novembro de 2017

14 de Novembro de 2017

Agentes penitenciários da Paraíba têm o mais baixo salário da categoria, no Brasil, diz sindicalista

Os servidores da rede penitenciária da Paraíba estão percebendo os menores salários já pagos à categoria no Brasil, segundo revela o presidente do Sindaasp-PB, Manuel Leite de Araújo, acusando uma defasagem de cerca de 40 por cento, nos contracheques dos mesmos, acumulada de 2011 para cá. Segundo ele, em todo o período, o Governo do Estado reajustou os salários da categoria em, apenas, 10.8 por cento.

Ele também revela que a categoria, em 2011, recebia o 6º melhor salário, a nível nacional, e o 2º do Nordeste, porém, em razão da não-aplicação dos índices da inflação, de lá para os dias atuais, sobre os contracheques, os agentes penitenciários perderam o poder aquisitivo em mais de 40 por cento. Além dos 10.8 por cento, acima referidos, segundo ele, o que os servidores tiveram, durante os oito anos, foram pequenas compensações, em forma de pro labore, sem direito, até mesmo, à implantação das ascensões funcionais.

No caso das ascensões funcionais, Manuel Leite de Araújo acusa o Governo do Estado de discriminar a categoria, na comparação com outras carreiras de servidores, a exemplo do magistério, e das próprias Polícias – Civil e Militar.

“Esperamos que essa situação seja resolvida, de uma vez por todas, com o advento da Polícia Penal, que será criada, para todos os entes federados, a partir da PEC 14, de autoria do senador paraibano Cássio Cunha Lima, já aprovada, em dois turnos, pelo Senado Federal”, comenta o sindicalista.




Redação



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.