João Pessoa, 24 de Novembro de 2017

12 de Novembro de 2017

Grêmio tropeça no Vitória e só empata

Grêmio tropeça no Vitória e só empata

 No estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), Grêmio e Vitória empataram em 1 a 1, neste domingo, em partida válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do duelo foram marcados por Patric em posição duvidosa, para o Vitória, e Fernandinho, para o Grêmio.


Com o resultado, o time gaúcho alcança os 58 pontos e permanece em segundo na classificação, mas pode ser ultrapassado pelo Santos, que joga nesta segunda-feira, contra a Chapecoense, na Arena Condá (SC). O clube baiano chegou aos 39 pontos e segue na 16ª posição. O empate foi bom também para o Corinthians, que depende apenas de uma vitória na próxima rodada, contra o Fluminense, para garantir o título matematicamente.


O confronto ocorreu no estádio do Juventude, na Serra Gaúcha, devido ao show do ColdPlay que aconteceu na Arena do Grêmio no sábado. Com isso, o gramado do local não tinha condições de receber o jogo no domingo.


No Grêmio, o técnico Renato Portaluppi teve três desfalques. No gol, Paulo Victor entrou no lugar de Marcelo Grohe, que estava com dores na cervical. Na lateral-direita, Edílson, com um desconforto muscular, foi poupado e Léo Moura assumiu a posição. Sem Bruno Cortez e Marcelo Oliveira (lesionados), o treinador improvisou na lateral-direito Leonardo na esquerda. O restante da equipe foi toda titular. A curiosidade foi a opção pelo garoto Jaílson iniciar o jogo e Michel, considerado titular, ficar no banco de reservas.


O técnico do Vitória, Vagner Mancini, teve três desfalques. O meia Yago, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, deu lugar para o retorno de Neílton. O volante Uillian Correia, expulso no duelo contra o Palmeiras, foi substituído por Ramon. O zagueiro Wallace pertence ao time gaúcho e está impedido de atuar devido a uma cláusula contratual, teve a posição ocupada por Bruno Bispo.



O JOGO


A partida começou com muita marcação no meio de campo, o que forçava os jogadores de ambos os times fazerem lançamentos, sem perigo, para o ataque. Em algumas oportunidades, o Grêmio chegava tocando bem a bola perto da área adversária, mas sem efetividade na conclusão.


A primeira finalização do jogo ocorreu aos 11 minutos. O volante gremista Jaílson recebeu na entrada da área e arriscou uma conclusão. A bola passou quicando na direita de defesa do goleiro Fernando Miguel.


O Vitória respondeu no lance seguinte. Em cobrança de escanteio Neílton, a defesa gremista afastou mal e a bola sobrou na entrada da área para José Welison concluir forte em direção à meta. Contudo, o zagueiro Pedro Geromel apareceu a tempo e a redonda desviou na coxa do jogador e saiu para mais um escanteio.

Um minuto depois, em jogada individual, o atacante David passou pela marcação e finalizou muito forte e o goleiro Paulo Victor fez boa defesa.


A pressão do Vitória deu certo e aos 16 minutos, o time baiano abriu o placar. Depois de bela troca de passes entre David, Fillipe Souto e Patric, o lateral recebeu, livre na esquerda em posição irregular e ficou cara-a-cara com o arqueiro gremista. O jogador afundou o pé para balançar as redes no estádio Alfredo Jaconi.


Nem deu muito para o torcedor do Leão comemorar, pois dois minutos depois, o Grêmio com Fernandinho. Em ataque pela esquerda, o lateral Leonardo fez bonita tabela com o meia Ramiro e cruzou para a área. O atacante Fernandinho subiu mais alto e desviou para deixar tudo igual na Serra Gaúcha.


Aos 25 minutos, após cobrança curta de escanteio, a bola rodou de pé em pé até chegar no meia Ramiro que, de de fora da área, mandou uma bomba no ângulo. A redonda tinha lugar certo para entrar, mas o goleiro Fernando Miguel saltou e fez grande defesa, impedindo a virada do Tricolor Gaúcho. Aos 32 minutos, em ataque pela direita, Neilton cruzou para a área, a bola passou toda extensão até David ficar com a redonda na esquerda. O atacante colocou novamente na área e Tréllez subiu sozinho, mas cabeceou mal, para fora.


O Vitória quase voltou a ficar na frente do marcador aos 45 minutos. Após cobrança de lateral direto na área, um bate-rebate iniciou na pequena área gremista até a redonda sobrar no pé do atacante Neílton. Contudo, o jogador chutou alto demais, desperdiçando a chance de colocar o Leão na frente.


Antes do apito final, o craque gremista Luan quase fez um gol de placa. O jogador fez uma bela jogada, dando um lençol em Ramon, e, sem deixar a bola cair, bateu de primeira visando o ângulo esquerdo de ataque. Porém, o arqueiro Fernando Miguel defendeu com tranquilidade a conclusão, agarrando a redonda com as duas mãos.


SEGUNDO TEMPO


Os dois times retornaram do vestiário para o gramado do estádio Alfredo Jaconi sem alterações. Em boa marcação da equipe baiana, Fernandinho perdeu a bola no meio de campo e o Vitória armou um contra-ataque rápido, aos 4 minutos. Na jogada, Tréllez recebeu na entrada da área, puxou para finalizar com o pé esquerdo, mas o chute saiu muito alto e passou sob a meta defendida pelo goleiro Paulo Victor.


Aos nove minutos, após cobrança rápida de falta no meio de campo, Luan recebeu próximo à grande área e ergueu na segunda trave. O atacante Fernandinho aparecia pelo setor, mas cabeceou alto, sob o gol de Fernando Miguel.


O Vitória ficou com um jogador a menos aos 13 minutos do segundo tempo. No lance, Fillipe Souto, o único atleta com amarelo na partida até então, fez falta em Ramiro, recebeu o segundo amarelo e consequentemente o vermelho.


Com um jogador a mais na partida, o Grêmio iniciou uma blitz. Aos 14 minutos, Ramiro recebeu na direita da área e tocou na pequena área para o centroavante Lucas Barrios, livre, desviar para o gol. O goleiro Fernando Miguel fechou os espaços e fez mais uma bela defesa no jogo. Um minuto depois, Ramiro colocou na área novamente, o arqueiro do Vitória espalmou e, no rebote, Leonardo pegou fraco na redonda.


Aos 18 minutos, o Luan marcou para o Grêmio, mas, em posição irregular, o lance foi corretamente anulado pela arbitragem. Dois minutos depois, novamente Luan recebeu e arriscou um chute colocado de fora da área, a bola desviou no meio do caminho e o arqueiro Fernando Miguel chegou a saltar, mas a redonda passou rente à trave esquerda de defesa.


O Vitória se retrancou e o Grêmio se jogou para o ataque, porém o time gaúcho encontrava dificuldades para furar a barreira baiana. Aos 37 minutos, Jael recebeu na ponta direita e tocou para Luan finalizar, dentro da área. A bola explodiu na marcação e saiu para escanteio. Aos 45 minutos, após contra-ataque rápido, o Vitória chegou a marcar um gol, mas a arbitragem assinalou o impedimento.


As duas equipes retornam a campo no meio de semana pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), o Grêmio enfrenta o São Paulo, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS). Na quinta-feira, às 20h (de Brasília), o Vitória encara a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC).


FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 X 1 VITÓRIA


Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)

Data: 12 de novembro de 2017, domingo

Horário: 17h (de Brasília)

Árbitro: Marcelo Aparecido R de Souza – SP

Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho – SP e Bruno Salgado Rizo – SP


GOLS

Grêmio: Fernandinho, aos 18 minutos do primeiro tempo

Vitória: Patric, aos 16 minutos do primeiro tempo


CARTÕES AMARELOS

Grêmio:

Vitória: Fillipe Souto (duas vezes), Kanu


CARTÃO VERMELHO

Vitória: Fillipe Souto


GRÊMIO: Paulo Victor; Léo Moura, Pedro Geromel, Walter Kannemann e Leonardo (Éverton); Jaílson (Jael), Arthur, Ramiro, Luan e Fernandinho (Patrick); Lucas

Barrios.

Técnico: Renato Portaluppi


VITÓRIA: Fernando Miguel; Patric, Bruno Bispo, Kanu e Geferson; José Welison, Ramon, Fillipe Soutto e Neílton (Caíque Sá); Santiago Tréllez (André Lima) e David

(René Santos).

Técnico: Vagner Mancini






Gazeta Esportiva



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.