João Pessoa, 24 de Novembro de 2017

03 de Novembro de 2017

Ex-vice-presidente argentino é preso por enriquecimento ilícito

Ex-vice-presidente argentino é preso por enriquecimento ilícito

 O ex-vice-presidente da Argentina, Amado Boudou, foi detido nesta sexta-feira em Buenos Aires.

Segundo fontes do jornal "Clarín" e da agência France Presse, o político foi acusado de enriquecimento ilícito.

O vice-presidente no governo de Cristina Kirchner, entre 2011 e 2015, foi detido junto ao seu sócio José María Nuñez Carmona. A detenção de Boudou aconteceu em sua residência no bairro de Puerto Madero, em Buenos Aires, e foi realizada por agentes da Prefeitura Naval Argentina por ordem do juiz Ariel Lijo.

De acordo com informações da agência Reuters, Bodou nega a acusação, mas não foi encontrado imediatamente para comentar o incidente desta sexta. Ele é o segundo membro do alto escalão de Kirchner a ser preso. Ex-ministro do Planejamento do governo de Kirchner, Julio De Vido foi preso no último dia 25.

G1.com.br



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.