João Pessoa, 18 de Outubro de 2017

11 de Outubro de 2017

Vené desabafa e enumera as falhas do PMDB/PB

Vené desabafa e enumera as falhas do PMDB/PB

O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo, segundo mais votado nas eleições de 2014, na Paraíba, desabafou, na tarde desta quarta-feira (11), durante entrevista ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM, sobre sua permanência ou não nos quadros do PMDB paraibano.

Segundo o parlamentar, nos últimos anos, o partido se distanciou dos filiados, se resumindo a definir as estratégias apenas com a executiva, excluindo assim o restante dos quadros, sobretudo os do interior do Estado.

“As suas próprias novas orientações. Um partido que não leva em conta que existe um parlamentar que poderia ser convidado a conversar sobre estratégias, projetos, ou ser convidado a estar junto com seus integrantes, as linhas que ultimamente foram tomadas pelo PMDB que acabaram gerando prejuízo tremendo à própria sigla, eu já disse que o PMDB perdeu sua musculatura e não foi simplesmente pelo crescimento de outras legendas que é plenamente compreensível. Os outros cresceram, essas legendas cresceram, mas o PMDB contribuiu para a perda de musculatura. O partido deixou de ouvir os filiados e isso foi distanciando, tanto é verdade que nos últimos processos eleitorais tivemos significativas perdas. Eu mesmo não sou ouvido. Não sou chamado a opinar. A mim me parece que eu sou uma figura indigesta. De certa forma parece um convite tácito para que eu não permaneça”, disse.

Apesar do desabafo, Veneziano disse que gostava do PMDB , mas que, se for convidado a sair, sairá.

“Eu permaneço se mudar o perfil, a condução. Todos nós que fazemos parte da executiva poderíamos ter compartilhado a direção, haver um rodízio de comando, se tudo isso acontecer eu permaneço, se não, irei para outra”, falou.




PB Agora



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.