João Pessoa, 31 de Agosto de 2016

29 de Janeiro de 2014

Deputado paraibano sofre nova ‘baixa’ no seu grupo político; algoz da vez é Wilson Filho

Deputado  paraibano sofre nova ‘baixa’ no seu grupo político; algoz da vez é Wilson Filho

RASTEIRA: deputado federal paraibano sofre nova ‘baixa’ no seu grupo político; algoz da vez é Wilson Filho

Após sofrer defecções políticas no seu grupo na cidade de Mari no agreste paraibano, o deputado federal Benjamin Maranhão (Solidariedade), sofreu um novo desfalque no seu projeto de reeleição na Câmara Federal, a nova baixa é na região do Cariri.


Se depender da vontade do prefeito de Boqueirão, o jovem João Paulo Segundo (PSD), o sobrinho de Zé Maranhão ficará chupando dedo no próximo pleito e os votos dos eleitores da cidade que abriga um dos açude mais famosos do estado, tem um novo destino: o deputado federal Wilson Filho (PTB).


“Benjamin só ficou com 2 prefeitos, a de Araruna que é a sua tia e o de Tacima, enquanto Wilsinho tem mais de sessenta no seu projeto de reeleição!”, contou a fonte que pediu anonimato.Vivendo um verdadeiro inferno astral, Benjamin que já enfrenta uma concorrência desleal, agora vê um dos poucos prefeitos no seu projeto o abandinar.


“João Paulo decidiu por Wilson por que Benjamin não tem relacionamento, enquanto Wilsinho sempre liga e dá assistência, Benjinha desaparece e se quer atende aos telefones!”, relatou o interlocutor.


João Paulo Segundo é filho do ex-deputado João Paulo fiel aliado do grupo Maranhão, exerce o seu primeiro mandato em Boqueirão e derrotou no último pleito os grupo de Carlos Dunga (PTB) e o do ex-deputado João Fernandes (PSB) .Boqueirão tem mais de 16 habitantes.


A reportagem do PB Agora entrou em contato com o deputado federal Benjamin Maranhão nesta terça-feira e o seu  telefone permaceu desligado.

MARCHA RÉ: Após ameçar romper com o prefeito Luciano Cartaxo (PT) em João Pessoa, pois exigia uma secretaria, A bancada do partido Solidariedade na Câmara Municipal de João Pessoa se reuniu com o presidente da legenda na Paraíba, deputado federal Benjamim Maranhão, na manhã desta terça-feira e decidiu que não vai mais exigir uma secretaria no Governo Cartaxo, mas se mantém na base aliada.

O partido alega que é a maior bancada da base aliada na Câmara, mas não comanda nenhuma pasta na Administração Municipal, e por isso pleiteava uma secretaria e até ameaçava romper com o prefeito.Após a reunião de hoje, ficou decidido que o Solidariedade não vai mais pedir cargos na prefeitura, mas vai continuar emprestando apoio ao prefeito na Câmara e que toda articulação política da legenda será comandada pelo presidente Benjamim Maranhão.

Articulação que não foi muito bem iniciada pelo sobrinho de Zé Maranhão.


PB Agora



Em virtude do período eleitoral o portal PB Agora suspenderá a veiculação de comentários na página. A medida visa cumprir o que preconiza a Lei da Eleições 9504/97, evitando que exageros, insultos ou até tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação ganhe notoriedade através deste veículo de comunicação em intervalo vedado. Após o período eleitoral, os comentários voltarão a ser visualizados no site.