João Pessoa, 24 de Setembro de 2016

24 de Setembro de 2012

Rede Banorte é alternativ​a para pagamento de contas durante greve dos bancos na PB

Com a paralisação dos serviços bancários, desde a última terça (18), uma opção para os usuários que não podem atrasar o pagamento de contas são as redes de multisserviços. A Banorte Matriz, maior rede do Norte e Nordeste, é uma opção de acesso facilitando o pagamento de contas, realização de empréstimos, cartões de crédito e seguros. As lojas funcionam de segunda a sexta das 8 às 17 horas e aos sábados das 8 horas ao meio dia.


A Rede Banorte Matriz atua há nove meses na Paraíba com três unidades. As lojas estão presentes no bairro da Mangabeira (João Pessoa) e nas cidades de Bayeux e Guarabira. A Rede atende uma média de 800 mil clientes e processa cerca de 1,8 milhões de contas mês. A Rede oferta serviços com horário diferenciado e ainda tem um portfólio de produtos que agrega conveniência à população, como é o caso da recarga de celular. Os interessados podem conferir os endereços dos pontos de atendimento da Rede Banorte Matriz no site: www.banortematriz.com.br.


Endereços:


Bayeux


Rua Engenheiro de Carvalho, nº 530 | CEP: 58307-050 – Centro – Bayeux/PB

Horário de funcionamento: Segunda a Sexta das 8hs às 17hs. Sábado das 8hs às 12hs.




Guarabira


Rua VX de novembro, nº 400 – Sala 02 | CEP: 58200-000 – Centro – Guarabira/PB

Horário de funcionamento: Segunda a Sexta das 8hs às 17hs. Sábado das 8hs às 12hs




João Pessoa (Bairro da Mangabeira)


Rua Elias Pereira de Araujo, nº 417 – Loja B | CEP: 58056-010 – Mangabeira I – João Pessoa/PB

Horário de funcionamento: Segunda a Sexta das 8hs às 17hs. Sábado das 8hs às 12hs



Assessoria



Em virtude do período eleitoral o portal PB Agora suspenderá a veiculação de comentários na página. A medida visa cumprir o que preconiza a Lei da Eleições 9504/97, evitando que exageros, insultos ou até tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação ganhe notoriedade através deste veículo de comunicação em intervalo vedado. Após o período eleitoral, os comentários voltarão a ser visualizados no site.