João Pessoa, 19 de Agosto de 2017

12 de Dezembro de 2010

PB tem 300 traficantes e chefes das facções Comando Vermelho e PCC

A Paraíba tem 300 traficantes, chefes de quadrilhas e integrantes de facções criminosas como a ‘Al Qaeda’, PCC (Primeiro Comando da Capital) e CV (Comando Vermelho), que comandam de dentro dos presídios uma rede interestadual de crimes, como tráfico de drogas e armas, execuções, assaltos, sequestros e roubo de carros e cargas.

Segundo o secretário de Cidadania e Administração Penitenciária, Carlos Mangueira, os presídios da Paraíba abrigam presos do Rio de Janeiro, São Paulo e até do exterior, que lideram ações criminosas de dentro do cárcere.

Um detento do presídio do Róger, em João Pessoa, Maciel de Souza Ferreira, o “Ciel”, foi preso em João Pessoa (em dezembro de 2008) como “braço” do tráfico carioca, que estaria com uma “base” na capital paraibana, lavando dinheiro na compra de imóveis e veículos. Com “Ciel”, havia na época nove quilos de pasta de cocaína, seis carros, três motos, jet-ski, armas e munições. Dois outros traficantes foram presos com ele. O preso Maciel continuaria com ligações com traficantes cariocas, segundo a polícia.  

CORREIO



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.